Imagem como selo do certificado ISO 9001

O que é Certificação ISO 9001 e qual a sua importância para as organizações?

Me responda, a sua empresa consegue manter um padrão nos produtos/serviços oferecidos? Os seus clientes estão satisfeitos? A sua empresa já possui uma credibilidade maior por causa da certificação ISO?

Não? Não se preocupe! Neste artigo nós iremos abordar todas as características da ISO. Porém, o foco principal deste artigo é a ISO 9001, norma voltada para a gestão da qualidade.

Então fique atento na leitura deste artigo para que você consiga solucionar possíveis problemas em relação a qualidade da sua indústria e operação.

Vamos lá?

O que é a certificação ISO, História e Evolução

Para começarmos, nada melhor do que entender um pouco mais de como surgiu e como foi criada a ISO 9001.

Assim, desde sua primeira publicação em 1987 pela Organização Internacional para Padronização (ISO), a ISO estabeleceu-se como o padrão de ouro para sistemas de gestão da qualidade em todo o mundo.

Sendo assim, pensando na necessidade de harmonizar os padrões de qualidade em diferentes indústrias e países, a sua criação foi concretizada.

Ao longo dos anos, a ISO 9001 passou por várias revisões significativas, refletindo as mudanças nas práticas de negócios, nas expectativas dos consumidores e nos avanços tecnológicos. Cada revisão visou tornar o padrão mais abrangente, acessível e alinhado com as necessidades contemporâneas das organizações, independente do seu tamanho ou setor. Visto isso, a evolução da ISO 9001 é uma história de adaptação contínua à dinâmica do mercado global e às expectativas dos stakeholders.

Mais recentemente, a versão de 2015 enfatizou a importância da gestão de riscos e da liderança no estabelecimento e na manutenção de sistemas de gestão da qualidade eficazes. Esta última revisão destacou o papel da ISO 9001 não apenas como um instrumento para a qualidade, mas como uma estrutura para o fortalecimento das capacidades organizacionais, a inovação e a sustentabilidade dos negócios em um ambiente cada vez mais competitivo e volátil.

Além disso, há diferentes normas que efetuam o encorajamento de tais áreas. Como por exemplo, a ISO 9001 é relacionada com a gestão da qualidade, a 14001 é voltada para o setor ambiental e a 22000 é focada na segurança dos alimentos.

Leia também: Segurança Industrial: 4 dicas incríveis para prevenção de acidentes.

O que é ISO 9000, 14000 e 22000?

Como vimos, a ISO 9000 possui foco na gestão da qualidade nas empresas e indústrias. Portanto, a família da ISO 9000 compõe 5 diferentes normas internacionais que estão relacionadas à qualidade.

Mas, dentre todas elas (ISO 9002, 9003 e 9004), a 9001 é a mais abrangente, incorporando todos os 20 elementos de qualidade que a norma possui.

A ISO 14000 é utilizada para especificar os requisitos dos sistemas que fazem a gestão ambiental da organização.

Esse modelo de ISO permite que a empresa desenvolva e pratique diferentes tipos de políticas ambientais.

E por fim, há também a ISO 22000, que possui o objetivo de oferecer maior segurança para os produtos alimentícios, proporcionando, portanto, maior qualidade aos alimentos que são entregues para os clientes.

Gestão da qualidade, entendendo a certificação ISO 9001 e quais os benefícios

A certificação ISO 9001 traz inúmeros benefícios, desde o aumento da satisfação do cliente até a melhoria da gestão interna e eficiência operacional. Empresas certificadas reportam melhorias significativas em suas operações, o que, por sua vez, se traduz em vantagens competitivas no mercado, como:

  • Maior produtividade;
  • Redução de desperdícios;
  • Redução de custos;
  • Melhoria na gestão de conhecimento;
  • Melhoria índice de satisfação dos clientes;
  • Redução de reclamações.

A gestão da qualidade compreende princípios, práticas e técnicas. Os princípios indicam as diretrizes a implementar por meio de práticas, que, por sua vez, as técnicas apoiarão.

A aplicação desse sistema requer um ciclo de medição e análise de resultados, além de planos de ações para melhorias, que devem acontecer de forma contínua.

A participação de todos os níveis da organização também é essencial, com uma boa liderança conduzindo as tarefas e pessoas engajadas executando e entendendo todo o propósito da implementação.

Para a realização deste projeto algumas etapas são essenciais, pois a cultura organizacional deve se alterar e se adaptar à nova realidade.

Assim o mapeamento dos processos da empresa, bem como a criação de procedimentos documentados, indicadores dos processos, formulários de avaliação, documentos de apoio, procedimentos complementares, documentos externos e registros da qualidade devem ser formulados após as coletas junto aos funcionários ou colaboradores, lembrando sempre da adaptação à ISO 9001 e do entendimento das peculiaridades de cada empresa.

A entrega final do projeto constitui-se do Manual da Qualidade juntamente com todos os documentos elaborados.

Mas qual o processo de Certificação ISO 9001?

O processo de certificação ISO 9001 começa com a compreensão dos requisitos da norma. É fundamental que a organização conheça profundamente os critérios da ISO 9001 para desenvolver um Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) eficaz.

Isso envolve estudar a norma, avaliar os processos internos atuais e identificar onde são necessários ajustes para atender aos padrões estabelecidos.

Implementação do SGQ:

    • Documentação: Criação de documentos que detalham processos, políticas de qualidade e objetivos alinhados com a ISO 9001.
    • Aplicação e Operação: Implementação das práticas necessárias para cumprir com a norma, incluindo ajustes nos processos existentes e a introdução de novos procedimentos conforme necessário.
    • Registro e Evidência: Manutenção de registros adequados para provar a conformidade com a norma.

Após a implementação, a organização deve conduzir uma auditoria interna. Esse processo de autoavaliação é crucial para identificar possíveis lacunas entre as práticas da organização e os requisitos da ISO 9001. A auditoria interna permite corrigir as não conformidades antes da auditoria externa.

O próximo passo é a seleção de uma entidade certificadora acreditada. Esta entidade realizará a auditoria externa, dividida em duas fases:

  • Fase 1 – Avaliação da Documentação: Verificação se a documentação do SGQ está conforme os requisitos da norma.
  • Fase 2 – Auditoria no Local: Inspeção das operações da organização para assegurar que as práticas estão em conformidade tanto com a documentação quanto com a norma ISO 9001.

Se a organização passar por esta avaliação rigorosa, ela recebe a certificação ISO 9001. Esta certificação não apenas valida os esforços da organização em manter altos padrões de qualidade, mas também serve como um símbolo de confiabilidade e excelência operacional perante o mercado e os clientes. A certificação tem validade de três anos, durante os quais auditorias de manutenção são realizadas anualmente para garantir a aderência contínua aos requisitos da ISO 9001.

Manutenção e Renovação da Certificação

A manutenção da certificação ISO 9001 exige um compromisso contínuo com a qualidade e a melhoria contínua. Isso inclui:

  • Auditorias Internas Regulares: As organizações devem realizar auditorias internas para monitorar e avaliar a eficácia de seus SGQs. Essas auditorias ajudam a identificar áreas de melhoria e garantem que os processos continuem alinhados com os requisitos da ISO 9001.
  • Revisão pela Direção: A alta direção deve revisar periodicamente o SGQ para assegurar sua adequação, adequação e eficácia. Essa revisão inclui avaliar oportunidades de melhoria e a necessidade de mudanças no sistema de gestão da qualidade.
  • Ações Corretivas: Quando não conformidades são identificadas, seja por meio de auditorias internas ou externas, a organização deve tomar ações corretivas adequadas para resolver essas questões de maneira tempestiva.

Renovação da Certificação

A certificação ISO 9001 é válida por um período de três anos. Para renovar a certificação, as organizações devem passar por uma auditoria de recertificação antes do término desse período. O processo de renovação inclui:

  • Planejamento da Auditoria de Recertificação: As organizações devem entrar em contato com a entidade certificadora para agendar a auditoria de recertificação. É aconselhável iniciar esse planejamento com antecedência para assegurar uma transição suave.
  • Auditoria de Recertificação: Semelhante à auditoria inicial, a auditoria de recertificação avalia a conformidade contínua da organização com os requisitos da ISO 9001. Isso inclui a verificação das melhorias implementadas e de como a organização gerencia seu SGQ.
  • Continuidade da Melhoria: A renovação da certificação é uma oportunidade para as organizações demonstrarem seu compromisso contínuo com a melhoria da qualidade. Logo, a implementação de melhorias contínuas e a adaptação às mudanças no ambiente de negócios são fundamentais para o sucesso a longo prazo.

Manter e renovar a certificação ISO 9001 é um processo contínuo que exige esforço e dedicação. Essas etapas são essenciais para assegurar que a organização não apenas mantenha os padrões de qualidade, mas também se empenhe em melhorias contínuas, garantindo a satisfação do cliente e a competitividade no mercado.

A obtenção da certificação ISO 9001 não é o final da jornada; é apenas o começo. Portanto, manter a conformidade e renovar a certificação periodicamente são essenciais para garantir a continuidade dos benefícios e a melhoria contínua dos processos.

Conclusão

Neste artigo entendemos sobre a importância da qualificação ISO para que sua empresa possa se qualificar ainda mais, além de se destacar em relação à concorrência.

Mas não pare por aí, acesse o site da ISO (está em inglês) para tirar todas as suas dúvidas e garanta um maior destaque no mercado!

A Acoplast Brasil é uma empresa certificada ISO 9001 que se preocupa muito com a qualidade. Assim, ela oferece todos os seus produtos com uma alta qualidade para os clientes.

Mas e você? Quer aumentar a sua credibilidade diante dos clientes e ser mais competitivo no mercado? Não deixe esta oportunidade passar! 

Este artigo foi produzido por Acoplast Brasil e Soluções Consultoria, espero que tenham gostado e até a próxima!

Avalie e classifique este artigo.

Nota média: 4.9 / 5. Nº de avaliações: 9

Compartilhe este artigo!

Quer receber conteúdos como esses gratuitamente?

Preencha o formulário e cadastre-se para receber os nossos conteúdos exclusivos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.