Time based maintenance o que é

Time based maintenance: o que é e como funciona?

O time based maintenance é um tipo de manutenção que leva em consideração estimativas precisas — a respeito do desgaste natural de peças e componentes de máquinas — para então criar um cronograma de manutenção.

Muitos fatores se fazem necessários para que uma indústria opere de maneira eficiente. Dentre eles, o funcionamento adequado de seu maquinário pode ser encarado como um dos mais importantes. É neste contexto que o time based maintenance (TBM) — manutenção baseada em tempo — surge como uma solução relevante. Porque, por meio dela, uma série de falhas e defeitos — relacionados a idade dos equipamentos — podem ser eliminados antes de acarretar qualquer problema.

Uma característica que eleva o tempo de vida útil de uma máquina e que ainda cria condições para que ela opere por mais tempo, sem interrupções. Aumentando assim os níveis de produtividade da indústria.

Levando em consideração os benefícios desse tipo de manutenção, nÓs resolvemos desenvolver este conteúdo para explicar a você como ela funciona. Leia o artigo e descubra agora o que é time based maintenance e entenda como implementá-la em sua indústria!

Afinal, o que é time based maintenance?

Não é exatamente uma novidade que os programas de manutenção visam garantir o bom funcionamento de equipamentos industriais. Um objetivo que só pode ser alcançado por meio de um planejamento organizado, que considere fatores como as características de cada maquinário e as demandas da linha de produção.

Por esse motivo, podemos dizer que todos os processos de manutenção são programados. O time based maintenance não é uma exceção a esta regra. A grande diferença entre este método, e os demais tipos de manutenção, é o fato de que o TBM leva em consideração estimativas precisas — a respeito do desgaste natural de peças e componentes de máquinas — para criar um cronograma de manutenção.

De um modo simples, podemos dizer que o time based maintenance é um tipo de manutenção preventiva que realiza a verificação de peças, e a sua substituição, em espaços de tempo previamente estabelecidos. Isso com base no tempo médio de desgaste dos componentes, em informações oferecidas pelo fabricante e em históricos de manutenção.

É importante ressaltar que a manutenção baseada em tempo, assim como todos os tipos de manutenção, deve ser planejada com informações confiáveis. De modo que ela é mais efetiva quando o tempo médio entre falhas — mean time between failure (MTBF) — é conhecido.

Como funciona esse tipo de manutenção?

A implementação do time based maintenance exige que o time de técnicos realize processos como:

  • inspeção visual do estado de peças e de componentes industriais;
  • verificação da lubrificação e da limpeza de peças e de componentes industriais;
  • realização da troca — quando isso se fizer necessário — de peças e de componentes industriais.

Embora tais tarefas também sejam desempenhadas em outros processos de manutenção, no TBM a sua execução deve necessariamente levar em consideração as estimativas de desgaste das peças e o tempo médio entre falhas. Tal característica o diferencia dos demais tipos de manutenção.

3 formas práticas para otimizar a execução do time based maintenance

Por meio da manutenção baseada em tempo, os técnicos de uma indústria podem realizar os ajustes necessários no maquinário de uma maneira mais eficiente. É necessário ter em mente, porém, que alguns cuidados simples podem tornar este processo ainda mais eficaz.

Continue a leitura e confira 3 práticas com o potencial de otimizar o TBM em sua indústria!

1. Mapeie os equipamentos que devem passar pelo processo de manutenção

Para que um processo seja realizado de maneira satisfatória, os responsáveis pela tarefa precisam ter acesso a todas informações relevantes para a sua execução. O time based maintenance não é uma exceção a esta regra.

Por essa razão, em primeiro lugar, o time de técnicos precisa identificar quais máquinas e equipamentos vão fazer parte desse processo. Levando em consideração as características da manutenção baseada em tempo, podemos dizer que é interessante que apenas o maquinário, cujo o tempo médio entre falhas e conhecido, seja selecionado.

Uma vez que os equipamentos são selecionados, os técnicos precisam conferir quais os principais problemas a que eles estão sujeitos e o tempo em que os defeitos costumam ocorrer. Em posse de tais informações, elaborar um cronograma inteligente de manutenção se torna muito mais simples.

2. Realize processos diferentes em períodos diferentes

Mesmo os processos mais eficientes exigem toda a atenção do time de técnicos. O que é natural, uma vez que qualquer erro dos profissionais, enquanto lidam com o maquinário, pode acarretar prejuízos e, em casos mais graves, acidentes.

Por esse motivo, o ideal é que a equipe implemente o processo de manutenção em um equipamento industrial de cada vez. Embora este cuidado seja simples, ele permite que os técnicos se concentrem completamente em uma única máquina, o que lhes permite captar detalhes importantes com mais facilidade.

3. Registre todos os dados relacionados ao processo de manutenção

Ao fazer uso de dados, os técnicos podem compreender mais rapidamente as causas de falhas e defeitos. Além disso, por meio de informações precisas a respeito das condições de um equipamento, os profissionais se tornam capazes de desempenhar a manutenção de maneira mais ágil e completa.

É por esse motivo que a construção de um histórico de manutenção completo é tão importante. De modo que, assim que o processo chegar ao fim, os responsáveis por ele precisam elaborar um relatório e informar todos os procedimentos realizados durante a implementação do TBM. Relatório este que deve ser armazenado em um local seguro e acessível.

Tal cuidado é importante para garantir que, em caso de necessidade, os técnicos possam acessar as informações com facilidade. Nesse contexto, tecnologias como o armazenamento em nuvem surgem como soluções interessantes.

No mercado em que as indústrias estão inseridas atualmente, a eficiência é tudo. Neste cenário, apenas as companhias capazes de usar seus recursos de maneira eficiente vão conseguir crescer e se destacar.

Ao otimizar a operação de máquinas e equipamentos, a manutenção baseada em tempo permite que as industriais operem de maneira mais inteligente. Levando este fato em consideração, podemos dizer que a implementação desta estratégia é indispensável para companhias que pretendem ser bem-sucedidas.

Agora que você sabe o que é o time based maintenance, e entende como essa metodologia de manutenção pode beneficiar a sua indústria, que tal ter acesso a mais informações relevantes? Siga nossas páginas no Facebook e no LinkedIn e receba mais conteúdos de qualidade.

Avalie e classifique este artigo.

Nota média: 0 / 5. Nº de avaliações: 0

Compartilhe este artigo!

Quer receber conteúdos como esses gratuitamente?

Preencha o formulário e cadastre-se para receber os nossos conteúdos exclusivos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.